Bandas Pôr do Som e Percussons neste domingo (21), no projeto Music From Paraíba

por do som
Banda Pôr do Som

Atualmente conhecida como banda Alamiré, Pôr do Som é um projeto iniciado em meados de 2010 pelos músicos, compositores e arranjadores paraibanos Rudá Barreto e Uaná Barreto, que apesar de muito jovens já acumulam larga experiência musical, inclusive com atividades profissionais no exterior, em projetos culturais realizados no Senegal e na Gâmbia.  O repertório do grupo, composto em sua maioria por músicas autorais, passeia pela música instrumental com influências jazzísticas, africanas e brasileiras e também pelo universo da canção sempre com uma ênfase rítmica, característica marcante do grupo.

Ao projeto Pôr do Som (Alamiré) juntam-se os músicos Ilder Santos no contrabaixo, o baterista Gilson Machado, o cantor e também compositor Titá Moura e o acordeonista Helinho Medeiros. Ao longo dos três anos de existência, o grupo participou de diversos projetos, incluindo o Circuito das Praças; participou duas vezes da Mostra de Música do SESC, tendo músicas de autoria de Rudá e Uaná gravadas, integrou, no ano de 2013, o projeto Quintas Aumentadas, excursionou em turnê no Senegal, acompanhando a cantora paraibana Glaucia Lima e participou, em 2014, do projeto Intervalos Instrumentais, dividindo o palco com o trompetista baiano Joatan Nascimento.

Em 2016, iniciou o processo de gravação do seu primeiro álbum “A Pesar Com Tudo”, formado apenas de músicas autorais instrumentais, passeando também no universo da canção.

Já o Grupo Percussons é mais abanda1ntigo. Surgiu em 2004 em João Pessoa (PB). Idealizado pela professora e percussionista Wênia Xavier, é formado por alunos e ex-alunos de percussão da Escola de Música Anthenor Navarro, do Instituto Federal da Paraíba e dos cursos de Música da Universidade Federal da Paraíba.  Inicialmente o grupo foi criado como um laboratório, proporcionando aos alunos um espaço de aplicação dos conhecimentos musicais aprendidos em sala de aula, bem como desenvolver a prática de conjunto num grupo de música de câmara, além de conhecer e divulgar um repertório específico para o instrumento. Com o passar do tempo sentiu-se a necessidade de ultrapassar os limites das escolas e mostrar o trabalho para outras plateias.

O grupo já se apresentou em diversos eventos de percussão, entre eles o 28º Curso Internacional de Verão da Escola de Música de Brasília (CIVEBRA) tendo como solista o baterista Kiko Freitas; Jornada Interestadual de Percussão (2006), IV Encontro Nordestino de Percussão (2007); I, II, III e IV Dia Percussivo (2007, 2009, 2010 e 2011) tendo como solista o baterista Gledson Meira; Feiras da Música (2011 a 2016). Em 2011 participou do Projeto Circuito Cultural das Praças tendo como solista o baterista Dennis Bulhões.

Em 2013, o grupo foi contemplado em edital pelo Fundo Municipal de Cultural (FMC) para a gravação do seu primeiro CD “Música Percussiva Contemporânea da Paraíba”, um trabalho inédito no Estado da Paraíba e o primeiro CD de música contemporânea do Nordeste. O repertório do projeto contou com a participação dos compositores paraibanos integrantes do Laboratório de Composição da Universidade Federal da Paraíba (Compomus) Arimatéia de Melo, Marcílio Onofre e Jorge Ribbas. O projeto contou também com a participação dos músicos Germanna Cunha (UFRN) e da pianista Harue Tanaka (UFPB).

Em 2015, o grupo foi selecionado para participar da coletânea Music From Parahyba 2 da Fundação Espaço Cultural (FUNESC) com a música Tangentes de Arimateia de Melo. Na apresentação do dia 21 de maio o grupo executará obras para grupo de percussão dos compositores Dave Mancini, Ney Rosauro, Mitchell Peters utilizando diversos instrumentos de percussão sinfônicos, populares e instrumentos não convencionais.

Sobre o projeto – Music From Paraíba é um projeto de divulgação da música dos artistas paraibanos no Brasil e no exterior. Na sua segunda edição, o projeto traz 71 músicas de artistas paraibanos ou radicados no estado. As faixas estão distribuídas em quatro CDs organizados em um box que lembra o formato capa de LP de vinil com arte assinada pelo designer Silvio Sá. Para a terceira edição, foram selecionadas 50 canções de 50 artistas diferentes. Na coletânea, há representantes de diversos gêneros como rock, forró, samba, música eletrônica, jazz, música instrumental, funk, blues, reggae, brega, entre outros. Ao longo do ano, é realizada uma temporada de shows com artistas contemplados na coletânea. Os shows são realizados uma vez por mês e, além de João Pessoa, o projeto percorre municípios do interior da Paraíba, a exemplo de Campina Grande, Cajazeiras, entre outros. O projeto é uma realização do Governo do Estado por meio da Fundação Espaço Cultural da Paraíba (Funesc) e conta com apoio da empresa Cerâmica Elizabeth. A terceira edição conta com 50 músicas e os artistas contemplados receberão os discos no show do próximo dia 21.

Serviço: Music From Paraíba – maio

Atrações: Pôr do Som (Alamiré) e Percussons

Dia: 21/05

Horário: 19h

Local: Sala de Concertos Maestro José Siqueira

Entrada Gratuita

Deixe uma resposta