Vencedores do XII Desafio Estado contra Estado são atrações do projeto De Repente no Espaço

A edição desta quarta-feira, dia 7, do projeto De Repente no Espaço contará com os dois primeiros colocados no XII Desafio Estado contra Estado, que foi realizado sábado passado, dia 3, em Campina Grande: Edvaldo Zuzu (PE) e Rogério Meneses (PB). A apresentação dos dois começa às 19h, no Mezanino 2 da Fundação Espaço Cultural da Paraíba (ao lado do teatro Paulo Pontes), em João Pessoa. A entrada é gratuita.

O XII Desafio Estado contra Estado reuniu 12 repentistas de cinco estados nordestinos, no Teatro Municipal de Campina Grande.  Eles disputaram a maior premiação da história da cantoria, conforme o poeta Iponax Vila Nova, responsável pelo evento. O primeiro colocado conquistou a premiação de R$ 8 mil (somando o valor da viola recebida e o valor em dinheiro).

Participaram do Desafio os repentistas Raimundo Caetano (PB), Rogério Meneses (PB), Jorge Macedo (CE), Acrizio de França (CE), Ismael Pereira (CE), Zé Cardoso (RN), Sebastião Dias (RN), Luciano Leonel (PE), Edvaldo Zuzu (PE), Severino Feitosa (PE), Jeferson Silva (PI) e Hipólito Moura (PI).

O “De Repente no Espaço” é um evento mensal da Funesc lançado em julho de 2015 e faz parte das ações de ocupação do Espaço Cultural. Os encontros acontecem na primeira quarta-feira do mês. A cada nova edição, o público conta com diferentes atrações da Paraíba e de outros Estados da região.

Em janeiro e julho de 2016 foram realizados o 1º e 2º “Desafio De Repente”, com várias duplas de repentistas da Paraíba e de outros Estados. O apresentador oficial e declamador é Iponax Vila Nova, coordenador do projeto que além conduzir as cantorias realiza oficina de declamação e versos pelo Estado, dentro do projeto.

O objetivo da ação é dar visibilidade a essa linguagem artística e literária, valorizando os poetas populares do Nordeste. “De Repente no Espaço” é um evento mensal da Funesc que teve início no mês de junho e faz parte do projeto de ocupação do Espaço Cultural. Os encontros acontecem na primeira quarta-feira do mês. A cada nova edição, o público conta com diferentes atrações da Paraíba e de outros Estados da região.

rogerio menesesRogério Meneses – Nasceu no município de Imaculada, na Paraíba, onde iniciou sua carreira de repentista. É formado em Ciências Sociais pela Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Caruaru (Fafica) e tem pós-graduação em Gestão Pública pela Associação Caruaru de Ensino Superior (Asces). Em 2008 foi eleito vereador pelo PT e atualmente está à frente da presidência da Câmara Municipal de Caruaru – Casa Jornalista José Carlos Florêncio.

Edvaldo Zuzu – Com mais de 30 anos de carreira, Edvaldo Zuzu – violeiro – é herdeiro da poesia crítica dos trovadores e jograis da península Ibérica. Nasceu em Machados e reside em Carpina, agreste pernambucano. Possui cinco CDs gravados com grandes nomes do repente e várias participações em outros discos.

edvaldo zuzu
Edvaldo Zuzu

Considerado um “peso pesado” do improviso, Edvaldo se apresenta de forma bastante contundente, buscando sempre o “ataque”, não se deixando encurralar pelo “adversário”. Por esse estilo, é conhecido e respeitado como “A Fera da Cantoria”.

Iponax Vila Nova – Nascido na cidade de Cajazeiras no alto sertão paraibano, filho do pernambucano Ivanildo Vila Nova, o maior dos repentistas da atualidade, Iponax cresceu com a poesia no seu dia a dia. A poesia e a viola de Ivanildo estava em todos os lugares da casa, e aos poucos foi despertando no menino o desejo de participar dessa disseminação da cultura popular.

Fez da poesia a régua e compasso no seu projeto de vida. Ainda muito jovem, levou sua arte para os mais distantes grotões do país. Um verdadeiro ativista da cultura matuta, é um grande articulador da arte do repente, considerado um dos grandes nomes da poesia e da declamação dos nossos dias.

 Serviço

De Repente no Espaço

Com Edvaldo Zuzu (PE) e Rogério Meneses (PB)

Apresentação: Iponax Vila Nova

Data: 7 de novembro (quarta-feira)

Hora: 19h

Local: Mezanino do Teatro Paulo Pontes

Entrada: gratuita

Realização: Funesc/Governo do Estado da Paraíba

Deixe uma resposta