Galeria Archidy Picado recebe duas exposições individuais simultâneas no dia 30

A Galeria Archidy Picado abre, na quinta-feira (30), às 19h, duas exposições individuais. “Espera”, do artista Meiacor e “Cor de Dentro”, com obras de Guto Holanda”. Ambas têm o mesmo período de visitação, até 9 de maio.

 

Cor de Dentro –  As relações entre o sujeito e a cor estão historicamente ligadas à estética, à criação, às vivências, pensamentos, sensações… enfim, Cor de Dentro-Guto Holandatodo tipo de relação com o meio em que um determinado indivíduo (con)vive tem a invasão da cor como atmosfera visual. Assim, ao pensarmos, estamos produzindo cores. Ao dialogarmos, logo de imediato imprimimos em cada relato cores, ligadas à momentos. Nesse sentido, cada pintura apresentada na série “Cor de Dentro” expressa além do figurativo, cores que ficaram impregnadas em determinados momentos, particulares.

A série de pinturas em painéis de eucatex traz retratos de pessoas íntimas, mas despidas de pele, dos tons de sépia e ocre, utilizados tradicionalmente em pinturas de retratos, tendo como contra ponto cores que brotam de dentro de cada indivíduo ou lugar, apresentando uma diversidade de cores e, por conseguinte, de formas.

 

“Cor de Dentro” apresenta como principal objetivo apontar para além da primeira imagem física que temos de algo ou pessoa com quem relacionamos, apresentando ao público um viés estético íntimo acerca da construção imaginativa de uma determinada situação, de um determinado espaço, de uma determinada pessoa. (Texto do artista)

 

13941125_1201941686492901_2088700166_n (1)Guto Holanda – A necessidade de mudar de ares e de buscar novas possibilidades profissionais trouxe o paulistano Guto Holanda à Paraíba, em 2011. Na bagagem, trouxe as vivências anteriores que aqui encontraram terreno fértil para a produção artística. “Vim com o intuito de transformar e de me transformar. Sinto-me Paraibano. Aqui, encontrei um lugar onde a arte tem raiz, valor popular, ou seja, um lugar onde a população participa mais ativamente dos processos culturais. Identifiquei-me com as pessoas com os lugares, com a natureza, com a vida!”, revela o artista visual.

 

Da infância, no bairro da Mooca, traz lembranças do tempo em que as crianças ainda podiam brincar na rua e construir seus próprios brinquedos, além dos muitos livros que o pai lia para ele e os irmãos. “Acredito que as cores das capas me influenciaram, juntamente com o fato de desenhar desde criança, até tomar contato com a arte urbana, mais precisamente o grafite, uma influência muito forte no meu trabalho”, afirma Guto.

 

Foi a partir de 2008, aos 27 anos, que Guto Holanda começou a produzir formalmente, pintando temas florais, paisagens, retratos e caricaturas hiper realistas, com forte influência da arte acadêmica. Com o amadurecimento, a sua pintura evoluiu da formalidade acadêmica, para um estilo mais pessoal, inspirado pelo expressionismo. “Resolvi me reinventar e passar a criar algo mais pessoal, trazendo às minhas vivências e pintando com mais emoção, deixando um pouco de lado a estética ligada à perfeição das formas, como o hiper realismo, por exemplo. Utilizo desde telas convencionais até madeiras encontradas em casas abandonadas, ou placas de MDF encontradas em entulhos e vielas da cidade. São superfícies convidativas às transformações”, esclarece.

 

 

espera (1)Espera – Em “Espera”, Meiacor, pseudônimo do artista visual Américo Filho, expõe pinturas em madeira que abordam a temática do tempo de forma onírica, representando esta grandeza física como corpo vivo que insiste em envolver o público a todo o momento.

 

Américo Filho (Meaicor) – Tem 28 anos, é artista visual com graduação em Artes Visuais pela Universidade Federal da Paraíba. Em sua produção artística envereda pela animação, graffiti e ilustração. No emaranhado de sua poética há predominância dos questionamentos sobre o tempo em suas várias dimensões e a idéia de um mundo dividido em camadas. Além da sua produção particular, atualmente integra os coletivos de arte DIA e Acervo 03.américo_filho

 

O currículo do artista traz as seguintes exposições individuais: Trivial, Programa Arte na Empresa, Energisa, João Pessoa, PB (2014), Ilusões em Preto e Branco, Aliança Francesa, João Pessoa, PB (2009). Exposições Coletivas: 1ª Bienal de Graffiti Paraíba, INSS, João Pessoa, PB; Salão de Artes Visuais do SESC, Galeria Centro de Turismo  e Lazer SESC Cabo Branco, João Pessoa-PB (2014); Arte Visual Periférica na Paraíba, MAC- Museu  Assis Chateubriand (UEPB), Campina Grande-PB (2013), Salão de Artes Visuais do SESC Cabo Branco, João Pessoa, PB; 3 Tempos, Galeria Archidy Picado (Funesc), João Pessoa, PB (2012); Integração 275, NAC (Núcleo de Arte Contemporânea), João Pessoa, PB; Gravuras, Casarão 34, João Pessoa, PB (2009); Integração 275, NAC (Núcleo de Arte Contemporânea), João Pessoa, PB (2008).

 

Publicações em catálogo: Salão de Artes Visuais do SESC, Galeria Centro de Turismo e Lazer SESC Cabo Branco, João Pessoa, PB (2016), Salão de Artes Visuais do SESC, Galeria Centro de Turismo e Lazer SESC Cabo Branco, João Pessoa, PB (2014); Arte Visual Periférica na Paraíba, MAC- Museu Assis Chateaubriand (UEPB), Campina Grande, PB (2013); Salão de Artes Visuais do SESC Cabo Branco, João Pessoa, PB (2012); Ilusões em Preto e Branco, Ciclo de Jovens Talentos da Paraíba ANO I Aliança Francesa, João Pessoa, PB (2010).

 

Prêmios: Em 2016, recebeu o Prêmio Aquisição –  Salão de Artes Visuais (Sesc-PB); em 2014, foi contemplado com o Prêmio Incentivo (Sesc-PB); em 2012, levou o prêmio de melhor Vídeo-poema no Concurso de Vídeo Poema Augusto dos Anjos (Funjope).

 

 

Serviço:

Exposição: “Espera” – artista: Meiacor

Abertura: quinta-feira (30), às 19h

Visitação: até 9 de maio de 2017, de segunda a domingo

Horário de visitação: 8h às 16h30

Local: Galeria de Arte Archidy Picado

Acesso: gratuito

 

 

Exposição: “Cor de Dentro” – artista Guto Holanda

Abertura: quinta-feira (30), às 19h

Visitação: até 9 de maio de 2017, de segunda a domingo

Horário de visitação: 8h às 16h30

Local: Galeria de Arte Archidy Picado

Acesso: gratuito

 

Deixe uma resposta